manchete

Foto/arte: divulgação

Primeiro registro audiovisual sobre a trajetória de uma das maiores redes de televisão do Brasil, “Aconteceu, virou Manchete” resgata os principais momentos históricos da emissora extinta em maio de 1999, que completaria 30 anos no dia 05 de junho. O documentário foi produzido por estudantes de jornalismo da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), sob a direção de Fernando Borges.

No jornalismo, marcaram época os telejornais comentados e as coberturas históricas, como a do primeiro carnaval na Marquês de Sapucaí. Nomes como Paulo Stein, Márcio Guedes e Ronaldo Rosas se orgulham dos feitos alcançados nos 16 anos em que a Manchete esteve no ar. Já Alberto Léo fala da experiência em ter trabalhado com João Saldanha e da cobertura das Copas e Olimpíadas, além dos mais variados eventos esportivos transmitidos pela Rede. A produção conta com depoimentos de artistas e ex-funcionários. Foram entrevistados mais de 30 profissionais de diversas áreas. Grandes artistas como Lucinha Lins, José de Abreu, Tonico Pereira e Bemvindo Sequeira falam com saudades de programas e novelas que marcaram época. Atores como Marcos Winter, lembram-se de como foi alcançar o auge com sucessos como a novela Pantanal, que venceu o ibope da Rede Globo, ultrapassando os 40 pontos de audiência.  Maurício Sherman conta como descobriu Xuxa e Angélica, além da briga com o jornalista e empresário Adolpho Bloch (fundador da Manchete) para iniciar a dramaturgia da emissora.

Além do saudosismo retratado no filme, O Documentário “Aconteceu, virou Manchete!” também toca em assuntos polêmicos, como as diversas crises da emissora. A atriz Sandra Pêra, é um exemplo dos muitos profissionais que até hoje vivem uma briga na justiça para receber o que lhes é devido. Curiosidades como a retirada da TV do ar pelo sindicato dos radialistas também são contadas. No entanto, a empresa é vista até hoje com muito saudosismo – das histórias engraçadas do dono Adolpho Bloch até as brigas com a TV GLOBO na disputa pelo IBOPE.

O documentário contou com a colaboração de muitos ex-profissionais da Manchete, que viram a oportunidade de terem um pouco da “TV de Primeira Classe” de volta. Por conta disso, a estreia acontece no dia do aniversário da emissora, 5 de junho (quarta-feira), onde o público será formado por profissionais que construíram o sucesso da Rede. Um desses profissionais foi Luiz Santoro, âncora do Jornal da Manchete, que, antes da exibição do filme, falará sobre como foi a experiência de trabalhar na Manchete.

Serviço:
Aconteceu, virou Manchete!
Local: Auditório 91 da Uerj – 9º andar do Campus Maracanã
Rua São Francisco Xavier, 524 – Maracanã
Dia: 05 de junho – 19 horas

Confira o trailer abaixo!