| A Primeira apresentação do artista haitiano na cidade terá a participação de Renato Biguli, do Monobloco |
Foto deo rapper Blaze One

Foto: Página Haiti Aqui no Facebook

Violência, pobreza e desigualdade social são os temas das músicas do rapper haitiano Blaze One, que encerra turnê pelo Brasil, neste sábado, dia 30 de maio, às 17h, em show gratuito na Arena Fernando Torres, no Parque de Madureira, com a participação especial de Renato Biguli, do Monobloco. O espetáculo tem o propósito de aproximar os haitianos de sua terra natal e promover o intercâmbio cultural entre o Brasil e o Haiti.

A ação é uma iniciativa do portal Haiti Aqui, projeto do Viva Rio que auxilia os imigrantes haitianos no Brasil, encaminhando-os a oportunidades de emprego e informações detalhadas para a obtenção de documentos como identidade, CPF e carteira de trabalho. O site também mostra um pouco da cultura caribenha para os brasileiros através do programa radiofônico “Voz do Haiti”, da Radio Viva Rio, produzido e elaborado por haitianos.

“Registrado como Elyse Senora, Blaze One nasceu na capital Porto Príncipe, em 1983. O artista começou a carreira musical com amigos num bairro popular de Martissant no grupo de rap SNM, em 1996. Desde então, participou de vários eventos nacionais e venceu a competição Lari Pwòp, organizada pela ONG Yélé Haiti, de Wyclef Jean, em 2005.
Em 2010, gravou o primeiro álbum solo com sucessos haitianos: Gran Dosye (“Grandes Casos”), que descreve a violência da época entre 2004-2010. O segundo, Istwa Dayiti (a Historia do Haiti), foi lançado em 2013.”

Show do Blaze One
Local: Arena Fernando Torres – Parque de Madureira – Rua Bernardino de Andrade, nº 200 – Parque Madureira – Madureira – Rio de Janeiro 0 RJ (Próximo ao Viaduto Rocha Miranda / Bairro Madureira)
Horário: às 17h

Fonte: Viva Rio
Anúncios