| “Por onde andou Clarice Lispector?” faz parte da programação “A hora de Clarice”, homenagem anual à escritora | 
Foto: Marcos de Paula / divulgação

Foto: Marcos de Paula / divulgação

Para lembrar a escritora, que completaria 95 anos no dia 10 de dezembro, o Espaço  Sesc apresenta ao público “Por onde andou Clarice Lispector?”, encontro com leitura dramatizada e debate com especialistas, no dia 8 de dezembro (terça-feira), às 19h, no Espaço Sesc, em Copacabana. O encontro abre o evento “A hora de Clarice”, que tem uma semana inteira de homenagens no Rio de Janeiro. Em sua quarta edição, o projeto se inspira no aniversário de 450 anos da cidade e na biografia da escritora, intimamente ligada á paisagem carioca, descrita em muitas de suas criações.

A leitura dramatizada será dividida nos temas “A cidade como cicatriz”, “A cidade como encantamento”, “A cidade como memória” e “A cidade como espanto”. O espectador terá a oportunidade de passear pelo mundo por meio do olhar da escritora, com emoção, espanto e sarcasmo – casada com um diplomata, Clarice Lispector conheceu muitas cidades da Europa e dos estados Unidos, vivendo em algumas delas. Leitores de Clarice logo se lembrarão dos textos “Brasília” e “Manifesto da cidade”, sobre Recife. Se no primeiro a crítica profunda ao projeto de Niemeyer causa um abalo, no outro a memória da infância e adolescência passadas no Nordeste é tocante.

Já a conversa sobre estas paisagens, sobretudo urbanas, trazidas pela escritora fica a cargo de dois especialistas: Roberto Corrêa dos Santos, que leciona Estética e Teoria da Arte na UERJ e foi professor de Teoria da Literatura na UFRJ; e Renato Cordeiro Gomes, dos departamentos de Comunicação Social e de Letras da PUC-Rio, professor especializado no tema literatura e cidade.

Filha de imigrantes que peregrinaram pelo Brasil a partir do Nordeste, Clarice escolheu o Rio de Janeiro como a cidade para viver e construir seus maiores laços de amizade. Esta história será contada através de uma seleção de textos organizada pela professora Clarisse Fukelman, da PUC-Rio, curadora do projeto e pesquisadora da obra da escritora. Contos, crônicas e frases de muita força e encantamento, pela síntese e capacidade de percepção de Lispector serão lidos pelas atrizes Clarice Niskier e Ester Jablonski, acompanhadas pelo ator Pedro Paulo Rangel, dirigidos por Ana Kfouri.

 

“Por onde andou Clarice Lispector?” – leituras dramatizadas e palestras
Leituras com Clarice Niskier, Ester Jablonski, Pedro Paulo Rangel, sob direção de Ana Kfouri
Palestrantes: professores Roberto Correa dos Santos e Renato Cordeiro Gomes 8/12/2015 (terça-feira), às 19h
Local: Espaço Sesc: Rua Domingos Ferreira, 160 – Copacabana. Tel.: 21 2547-0156
Classificação: livre
Realização: Sesc

Anúncios