| Aula será ministrada pelo professor Washington Nascimento, da Uerj |
foto do Cais do Valongo

Foto: reprodução site Prefeitura do Rio de Janeiro

professor Washington Nascimento, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro – Uerj, ministrará a “Aula pública: de onde vieram os africanos do Rio de Janeiro?“, no dia 07 de outubro, às 14h, no Cais do Valongo. O evento será uma boa oportunidade para conhecer ou visitar novamente esse patrimônio histórico da cidade do Rio de Janeiro, na Zona Portuária da cidade, revitalizado recentemente.

O Sítio Arqueológico Cais do Valongo foi declarado Patrimônio Mundial da Humanidade pelo Comitê do Patrimônio Mundial, ligado a Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco), em julho deste ano. Confira a seguir o texto disponível no evento criado no Facebook:

“O Cais do Valongo, no Rio de Janeiro, foi aquele que recebeu o maior número de africanos das Américas. As maiores fontes eram o Congo e Angola. A despeito de sabermos um pouco mais sobre a história do porto (até por conta de ter sido recentemente declarada Patrimônio Mundial da Unesco) nossos conhecimentos sobre os povos que habitavam os atuais Congo e Angola ainda são parcos.

Apenas temos uma ideia de que eram bantos uma designação genérica, que explica pouca coisa, criada a partir de afinidades linguísticas., que remetem a uma remota origem comum e a um movimento de lenta ocupação de boa parte do território africano (do Rio Camarões até a África do Sul).

O Congo foi um dos mais importantes reinos do continente Africano, centralizado em torno de um soberano (o Manicongo), tinha moeda única, o Zimbo e controlava boa parte dos atuais Congo e Angola. Com a chegada dos portugueses se torna também, por iniciativa própria, o primeiro reino cristão da África subsaariana, ampliando seu poder e mantendo embaixadas em Portugal, Holanda e Vaticano, além de outras regiões dentro da África como Etiópia. No século XV tratava-se de um estado forte, centralizado, conectado e negociando com o mundo.

Já Angola é derivado do reino do Ndongo. Seu chefe carregava o titulo de ngola a kiluanje. O principal povo formador foram os kimbundus. Aspectos mítico- religiosos deste universo Kimbundu, como praticas de cura (A “Umbanda”), os “gênios da natureza” (kiandas e kitutas) e sacerdotes (kimbandas e kilambas), transitaram no universo atlântico configurando o universo brasileiro também.

Falar dos povos africanos que habitavam os atuais Congo e Angola é o objetivo da aula pública ministrada pelo professor Washington Nascimento (UERJ) no dia 07 de Outubro, as 14:00 horas no Cais do Valongo, junto com sua turma de História da África da UERJ e com o apoio do Cahis-UERJ e do “Textão: o jornal da história – UERJ/Maracanã”.

A aula é pública, aberta a todos os interessados e interessadas. A atividade é também uma forma de mostrar que a UERJ está viva e nas ruas. Nos encontramos lá!”

Mais informações no evento no Facebook.

Aula pública: de onde vieram os africanos do Rio de Janeiro?
Local: Cais do Valongo – Av. Barão de Tefé, s/n° – Saúde – Rio de Janeiro – RJ
Data: dia 07/10 (sábado)
Horário: 14h

Anúncios