Tag Archive: fotografia


| Mostra é integrada ao I Congresso de Estudos da Infância – Diálogos Contemporâneos, a ser realizado pelo Departamento de Estudos da Infância |
foto externa da Uerj

Foto: reprodução site FSS- Uerj

A Faculdade de Educação (EDU) da Uerj recebe entre os dias 8 e 10 de agosto a Exposição “Infância: Visagens”. Integrada ao I Congresso de Estudos da Infância – Diálogos Contemporâneos, a ser realizado pelo Departamento de Estudos da Infância (DEDI) da EDU, a mostra contará com desenhos de alunos da educação infantil, fotografias elaboradas por crianças, além de diversas bonecas representando o universo e a visão infantil sobre o mundo.

A mostra procura revelar os ângulos de visão da infância. “Que silhuetas, formas, fisionomias, que rostos têm as infâncias? Que caretas-apelos-provocações fazem? Que infâncias nos interpelam? São perguntas como estas que dão vida a esta exposição”, segundo palavras das curadoras Beatriz Fabiana Olarieta, Conceição Firmina Seixa Solva, Lisandra Ogg Gomes e Rita Ribes.

Durante os três dias de congresso, a exposição estará aberta ao público no hall do 12º andar da Faculdade de Educação da Uerj– Campus Maracanã.

 

Uerj/SR-3/DECULT/COEXPA apresentam a exposição “Infância: Visagens”
Inauguração: dia 8/08 de 2017
Visitação: até 10/08 de 2017
Horário: Contínuo
Local: Hall do 12º andar da Uerj – Rua São Francisco Xavier, n° 524 – Maracanã – Rio de Janeiro/RJ
Informações pelo tel.: (21) 2334-0114

Anúncios
| Aula abordará evolução das câmeras e as novas tecnologias possibilitadas através dos celulares |
foto de homem segurando câmera fotográfica

Foto: reprodução internet

No dia 29 de junho (quinta-feira), a partir das 17h30, o West Shopping, em Campo Grande, realiza o workshop gratuito de fotografia “Câmeras e as Novas Tecnologias”. A aula abordará a evolução das câmeras e as novas tecnologias possibilitadas através dos celulares. A palestra será ministrada pelo fotógrafo Helcio Peynado, do Curso de Fotografia Helcio Peynado, há 14 anos no mercado.

O evento terá duração aproximada de 1h30m e acontecerá no Espaço Multiuso (loja 287 F), no mesmo local em que está em cartaz a exposição ‘Bichos Mostram a sua Cara’, que exalta o esplendor e a essência de cada espécie animal, em suas diferentes formas e belezas naturais.

As inscrições podem ser realizadas por meio dos telefones (21) 3718-9502 ou 3178-9503. As vagas são limitadas a 30 pessoas.

Workshop Câmeras e as Novas Tecnologias
Data: dia 29 de junho
Horário: 17h30
Local: Espaço Multiuso – Loja 287 F – West Shopping – Estrada do Mendanha, n° 555 – Campo Grande – Rio de Janeiro – RJ – Tel.: (21) 3178-9501/ 9502
Inscrições pelos telefones (21) 3718-9502 e 3178-9503

 

 

 

 

 

 

 

 

| Além de entrada gratuita durante todo o dia, haverá apresentação da Orquestra Popular Tuhu – Projeto Villa-Lobos e as Crianças às 11 horas |
Foto do Jardim Botâncico

Foto: Cleibi de Oliveira

O Jardim Botânico do Rio de Janeiro, Fundado por D. João em 1808, completará 209 anos nesta terça-feira, dia 13 de junho. Como presente para os visitantes, a entrada será gratuita durante todo o dia. Às 11 horas, a Orquestra Popular Tuhu – Projeto Villa-Lobos e as Crianças se apresenta junto ao Lago Frei Leandro.

Novas exposições no Museu do Meio Ambiente

A exposição “Rede Abrolhos: monitorando o maior complexo coralíneo do Atlântico Sul” pode ser visitada no hall do Museu do Meio Ambiente a partir de 14 de junho. A mostra é composta por 40 fotografias com imagens aéreas e submarinas, exemplares da fauna e flora marinha e equipamentos científicos utilizados pelos cientistas para estudar essa região, que tem a maior biodiversidade da costa brasileira. A curadoria é de Fernando Moraes, pesquisador associado do Jardim Botânico do Rio.

O Museu recebe também a partir do dia 14 de junho a exposição do XVI Concurso de Fotografia do Jardim Botânico. A mostra foi organizada pela Associação de Amigos do Jardim Botânico (AAJB) e reúne 23 fotos selecionadas do concurso de 2016, entre premiadas e menções honrosas. A exposição conta, também, com um painel chamado “Outras lentes”, que apresenta fotos dos jurados João Quental, Lena Trindade, Príamo Melo, Zeca Guimarães e Gustavo Pedro, além de imagens do fotógrafo Laizer Fishenfeld, cuja lente é uma divulgadora fiel do Jardim Botânico em jornais da cidade.

Novas exposições no Museu do Meio Ambiente
Horário: segunda, das 12h às 17h; terça a domingo, das 8h às 17h
Endereço: Rua Jardim Botânico, 1008 – Jardim Botânico – Rio de Janeiro – RJ

– See more at: http://jbrj.gov.br/node/795#sthash.BcANTFmb.dpuf

| Há oportunidades em cursos de ilustração, edição de vídeo, fotografia e tratamento de imagem e animação |
Foto/arte: reprodução internet

Foto/arte: reprodução internet

O Projeto Porto do Saber oferece diversos cursos de capacitação profissional no segmento audiovisual para jovens a partir dos 14 anos de idade. Há vagas em cursos de ilustração, edição de vídeo, fotografia e tratamento de imagem e animação.

A qualificação profissional é realizada nas dependências da Escola Padre Dr Francisco da Motta e Colégio Sonja Kill, no Morro da Conceição, atrás do Largo de São Francisco da Prainha e a poucos metros da revitalizada Praça Mauá, do Museu de Arte do Rio (MAR) e do Museu do Amanhã, no período da tarde, de segunda a sexta-feira, de acordo com cada curso, sempre das 13h às 17h. Além da capacitação profissional, os cursos também compreendem um trabalho focado no desenvolvimento humano dos participantes, o que inclui oficinas de mercado de trabalho e de cidadania que desenvolvem temas como direitos humanos, cidadania, ética e diversidade. Além disso, é criado um plano de desenvolvimento profissional com a ajuda de psicólogo e assistente social, para que os participantes possam começar a planejar sua carreira.

Mais de 60 jovens foram atendidos pelo projeto em 2015, que teve o número de vagas ampliado para este ano. Ao final do curso, os alunos com aproveitamento satisfatório recebem um certificado do Senai.

Os interessados devem entra em contato pelos telefones 0800 0231 231 (ligações gratuitas de telefone no estado do Rio) ou 4002 0231 (custo de ligação local). O horário de atendimento é de segunda a sexta, das 7h às 21h, e nos fins de semana, das 8h às 14h. Os documentos que devem ser apresentados pelo participante são: certidão de nascimento, RG, CPF, comprovante de residência, comprovante de escolaridade e duas fotos 3×4. Já o responsável deverá apresentar apenas RG e CPF. As vagas são limitadas.

Porto do Saber
O Projeto Porto do Saber é fruto da parceria entre a empresa Subsea 7 e a Gerência de Responsabilidade Social do Sistema FIRJAN. Ele nasceu do desejo da Subsea 7 em contribuir para o desenvolvimento e a inclusão social dos jovens da região portuária e, ao mesmo tempo, desenvolver suas habilidades sociais e competências profissionais na indústria criativa, que é a vocação natural da região.

Clique aqui e faça o download da tabela de cursos disponíveis.

Foto/arte: site Firjan

Foto/arte: site Firjan

Cursos na área de audiovisual no Projeto Porto do Saber
Local: Escola Padre Dr Francisco da Motta e Colégio Sonja Kill, Endereço – Beco João José, nº 02 ao 16 – Saúde – Rio de Janeiro/RJ – Morro da Conceição, atrás do Largo de São Francisco da Prainha – Tels: 21 2253-5651 / 2263-1181 / 2223-2376
Início das aulas: a partir do dia 21/06/2016, conforme calendário dos cursos

Uma das fotos da exposição

Foto: Rosângela Batista

A exposição “Carioca-se”, do grupo de fotógrafos “6por6” vai abrir a temporada 2016 de atividades da Subdiretoria Geral de Cultura da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), e poderá ser visitada a partir da terça-feira, dia 23 de fevereiro, às 18h, no Salão Nobre do Palácio Tiradentes.

Sob a curadoria de Vivian Faingold, a coletiva apresenta a generosidade de cada um de seus integrantes, a diversidade e qualidade em suas várias formas de traduzir a imagem e a visão personalizada da cidade onde vivem. “Trata-se de um conjunto de imagens que ilustra o ponto de vista dos fotógrafos sobre o Rio de Janeiro, que juntos conversam e formam o conceito do “Carioca-se” sem perder a característica do olhar individual”, disse. Além do grupo, mais três convidados com olhares apaixonados pela cidade maravilhosa irão compor a coletiva com 41 trabalhos.

O grupo “6por6” surgiu da união de um grupo de ex-alunos de um curso de pós-graduação da Universidade Candido Mendes (UCAM), em 2012, dedicado a fotografar diversos temas em comum.  São eles: Alex Gaudêncio, André Ribeiro, Celia Satil, Cida Alves, Rosângela Batista, Stéferson Faria. Os convidados são Adriana Medeiros, Carolina Souza de Almeida e Larrion Nascimento.

Exposição “Carioca-se”
Local: Palácio Tiradentes – Rua 1° de Março, s/n° – Praça XV – Centro – Tel.: 21 2588 1186
Período: de 23/02 a 18/03 de 2016
Horário: de segunda a sábado, das 10 às 17h; domingos e feriados, das 12 às 17h.
O acesso para cadeirantes é feito pela Rua Dom Manuel, s/nº, Praça XV

Fonte: Alerj
| Cariocas e turistas poderão tirar uma foto ao lado da estátua de Tom Jobim e a levar impressa gratuitamente |

Foto: Fabio Seixo / Agência O Globo / Reprodução

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria de Conservação e Serviços Públicos, realiza nesta sexta-feira, dia 27 de fevereiro, o evento inédito nomeado de Monumento Selfie. A ação faz parte das comemorações pelos 450 anos da cidade e visa aumentar a interação da população com as obras públicas existentes nas ruas do Rio. Uma tenda com uma câmera será armada nas imediações do monumento em homenagem a Tom Jobim, no Arpoador, e cariocas e turistas que por ali passarem poderão registrar uma imagem ao lado da obra e levarão uma fotografia impressa no local gratuitamente. A iniciativa contará com a presença do secretário de Conservação, Marcus Belchior, e do subprefeito da Zona Sul, Bruno Ramos.

SERVIÇO:
Data: 27/02, sexta-feira
Horário: às 14:30h
Local: Calçadão do Arpoador (em frente ao monumento em homenagem a Tom Jobim)

| A mostra Trajetórias – Ingá: Do Palácio ao Museu do Estado conta a história fluminense através da arte, cultura e política |

O Museu do Ingá – um espaço da Secretaria de Estado de Cultura (SEC)  – promove, até o dia 29 de novembro deste ano, a exposição Trajetórias – Ingá: Do Palácio ao Museu do Estado, que resgata a história fluminense e do próprio museu através de plataformas interativas, que aliam fotos, imagens, objetos e filmes em suportes como tablets, aplicativos e materiais audiovisuais. A mostra, com curadoria de Carlos Fernando Andrade, marca o início da nova fase do museu e tem como objetivo resgatar a identidade e a autoestima fluminense.

 “Os museus tem que falar do presente e o que vemos atualmente é que a identidade do estado do Rio de Janeiro está muito diluída, queremos chamar atenção para isso. Nosso objetivo é contar a nossa trajetória através das narrativas locais e da participação do público fluminense. O museu precisa ser relevante para as pessoas, passado e presente têm que se cruzar. Queremos que gente de todo o Rio venha visitar o Ingá e que se reconheça nas histórias”, analisa Mariana Varzea, Superintendente de Museus da SEC.

A mostra inédita traz mapas interativos que revelam a formação dos municípios, acervo com objetos da cultura popular, fotos dos ex-governadores e até um Cine Fluminense, com trechos de filmes que foram rodados na região. Um quiz repleto de curiosidades vai testar os conhecimentos dos visitantes, que poderão gravar depoimentos em cabines de vídeos para serem publicados no Youtube. A exposição reconta também a história da construção do palácio de 1860 onde hoje funciona o museu, que foi palco de importantes episódios da política.

 “A referência inicial desta exposição é o próprio local onde ela está sendo montada: o Palácio Nilo Peçanha, atual Museu do Ingá. Cenário da construção republicana no Estado do Rio de Janeiro, sua trajetória, como sede da política fluminense de 1903 a 1975, que confunde com a própria história do estado do Rio. A organização territorial do Estado do Rio de Janeiro guarda intima relação entre as culturas que predominaram nos diferentes períodos de sua história”, explica o curador Carlos Fernando.

A exposição lança a nova identidade visual e o novo branding do Museu do Ingá, assinados pela 32bits. A produção é da Trítono e da 32 bits que criaram, em parceria com a curadoria, espaços, conteúdos e dispositivos digitais da nova exposição. O projeto de requalificação do museu e a nova exposição são uma realização da Secretaria de Estado de Cultura com patrocínio da Petrobras e do Governo do Rio de Janeiro, através da Lei Estadual  de Incentivo à Cultura do Rio de Janeiro.

O público poderá visitar as seguintes áreas:

Sala “Formação: Terra, Homem e Cultura”
Esta área conta com uma mesa interativa onde o público pode passear por temas geográficos, econômicos e culturais através da visão do historiador e geólogo Alberto Lamego: a Serra, o Brejo, a Restinga e a Guanabara. Há também um painel mostrando o surgimento dos municípios ao longo do tempo, e outro, sobre o Rio Paraíba do Sul, tão importante para o Estado. O acervo material de objetos da cultura popular da região forma uma vitrine expositiva. O público poderá também assistir a uma projeção com edição de filmes históricos sobre a memória cultural do Estado.

Sala Tempos de Política
Essa sala tem curadoria da historiadora Andrea Tello, que separou três governadores icônicos para a história do Estado e do próprio Palácio: Nilo Peçanha, Amaral Peixoto e Roberto Silveira. Suas histórias e de seus governos são contadas em artes nas paredes e, também, através de parte do acervo do museu, com objetos que pertenceram a esses três antigos ocupantes do Palácio. Além disso, foram digitalizados quatro almanaques históricos, que registravam todos os municípios do Estado. São um álbum de 1908, outro de 1922, além de um álbum de Feliciano Sodré e Raul Veiga.

Sala “O Ingá é”
O espaço interativo conta com ipads onde, através de aplicativos, os visitantes poderão opinar sobre as futuras ações do museu, além de ficar por dentro de novidades e detalhes sobre a nova identidade visual. Em cabines  o público poderá gravar depoimentos sobre o espaço, que serão publicados no Youtube.

Sala Simbologia
Será possível conhecer e compreender os elementos da bandeira e do hino do estado do Rio que representam, por exemplo, as belezas naturais, como o pico Dedo de Deus e as primeiras atividades econômicas, como o cultivo de cana-de-açúcar e café.

Galeria dos Governadores
Uma linha do tempo visual dos 43 governadores até a fusão do estado do Rio de Janeiro com o estado da Guanabara.

Exposição TRAJETÓRIAS – Ingá: Do Palácio ao Museu do Estado
Local: Museu do Ingá –  Rua Presidente Pedreira 78, Ingá – Niterói – Rio de Janeiro – RJ – Tels.: (21) 2717 2893 / 2717-2903
Período: até 29/11/2015
Horário de funcionamento: Terça à sexta: 12h às 17h. Sábados, domingos e feriados: 13h às 17h
Classificação: Livre

 

Foto da entrada do Parque Natural Municipal da Prainha

Foto: Reprodução internet

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente promove até o dia 21 de fevereiro, no Parque Natural Municipal da Prainha, a segunda temporada do Varal Fotográfico, que reúne imagens da fauna e flora da região. A mostra, com fotografias de João Luiz Lima, Lauriano Caravana e Paulo Miltteman, através do grupo Rio Fotográfico, tem o objetivo de contribuir para a missão da educação ambiental e ressaltar a importância de manter espécies animais e vegetais em equilíbrio com o ser humano.

Foto de um beija-flor

Foto: D.O do Município do Rio de Janeiro

Em uma área de 147 hectares, o parque abriga fauna e flora diversificadas, incluindo espécies ameaçadas de extinção. No local, é possível ver mamíferos como gato-do-mato, cachorro-do-mato, mão pelada, gambá, cuícas, mico estrela, coelho do mato, paca e roedores. A classe das aves apresenta Parque Natural da Prainha ganha nova temporada de exposição de fotografias dezenas de espécies como periquitos, maritacas, colibris, corujas, rolinhas, bem-te-vis, gaviões, entre outras. Também se destacam as serpentes como jararaca, jararacuçu, cobra-cipó e a caninana, além de uma grande variedade de lagartos.

O Parque Natural Municipal da Prainha fica na Avenida Estado da Guanabara, s/nº – Grumari – Rio de Janeiro – RJ. Com entrada gratuita, a mostra estará aberta à visitação de terça a domingo, das 8h às 17h.

Fonte: Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro
Foto da Festa de São Pedro, Jurujuba, c. 1985

Foto: Festa de São Pedro, Jurujuba, c. 1985 / Pedro Vasquez –

A inauguração da exposição “Aqui Mesmo – Niterói vista pelas lentes de Pedro Vásquez” acontece nesta  sexta-feira, dia 21 de março, às 16 horas, e conta com 53 fotografias do acervo do artista sobre a cidade de Niterói. A mostra apresenta um resumo de sua produção consagrada à cidade nos últimos trinta anos, com fotografias em diversas técnicas e formatos, como panorâmicas, imagens intimistas, fotografia em suporte de película, imagem digital, preto e branco e em cores. Sempre com um enfoque pessoal, que foge do previsível lugar-comum para privilegiar uma visão autoral e distintiva da cidade.

Assim como os adeptos do wabi-sabi (conceito japonês derivado do ensino budista, visão abrangente do mundo ou ou estética centrada na aceitação da transitoriedade e imperfeição), Vasquez privilegia a beleza das coisas imperfeitas, impermanentes e incompletas, das coisas simples, naturais e orgânicas, preferindo o intrínseco em detrimento da hierarquia material, do espetacular, do monumental e do imponente. Assim, a Niterói de Pedro Vasquez não é a da arquitetura esplendorosa ou dos logradouros consagrados, de tal forma que ao fotografar o MAC ele se desvia de sua decantada elegância plástica para se concentrar nos visitantes. Da mesma forma em que não se prende ao registro topográfico e metódico da paisagem, optando por evocar uma Niterói mítica e pessoal, a exemplo do que fez o pintor belga Léon Spilliaert no início do século XX ao focalizar as praias desertas e silenciosas da cidade de Ostende, os banhistas, os barcos, as árvores e os metafísicos encontros da areia com o mar e do mar com o céu.

Sobre o Artista:

“Escritor, tradutor, fotógrafo e administrador cultural, Pedro Vasquez é formado em Cinema pela Université de la Sorbonne, e mestre em Ciência da Arte pela Universidade Federal Fluminense. Foi responsável pela implantação do Instituto Nacional da Fotografia da Funarte, bem como pela criação do Departamento de Fotografia, Vídeo & Novas Tecnologias do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, além de ter sido também diretor do Solar do Jambeiro. Seu trabalho como fotógrafo já foi exposto e/ou publicado em diversos países, notadamente: Alemanha, Inglaterra, França, Itália, Espanha, Portugal, Noruega, Canadá, Estados Unidos, Cuba, México, Venezuela, Argentina, Uruguai, Paraguai.”

Exposição Aqui Mesmo – Niterói vista pelas lentes de Pedro Vasquez
Data de abertura: 21/03, às 16h
Local: Espaço Cultural Correios Niterói – Avenida Visconde de Rio Branco, 481 – Centro, Niterói
Horário: de segunda a sexta, das 10h às 18h
Lançamento do catálogo e visita guiada: 13 de maio de 2014, às 17h.

Foto: Evandro Teixeira

Foto: Evandro Teixeira

Tempos de chumbo, tempo de bossa: os anos 1960 pelas lentes de Evandro Teixeira” traz registros de momentos históricos do Rio de Janeiro após o golpe militar de 1964. As imagens mostram o contraste entre  a repressão e momentos de descontração como a música, a praia e a moda carioca da época. Os registros são de Evandro Teixeira, um dos nomes mais conhecidos do fotojornalismo brasileiro.

Entre as fotografias, registro da Passeata dos Cem Mil, em 1968 e do jantar dos militares, conhecido como a “noite dos generais”, quando decidiram decretar o Ato Institucional número cinco (AI-5).

Exposição Tempos de chumbo, tempo de bossa: os anos 1960 pelas lentes de Evandro Teixeira
Local: Centro Cultural Justiça Federal – Av. Rio Branco, 241 – Centro – Tel.: (21) 3261-2550
Período: De 15/01 a 27/02 – Terça a domingo, das 12h às 19h, no Gabinete de Fotografia


Foto: divulgação Facebook

Nada de paredes, luze especiais, vernissage, público limitado ou específico. É passeando pela cidade com seus trabalhos a tiracolo que os artistas participantes do ”Walking Gallery” levam arte ao público. O movimento cultural surgiu em abril de 2009, em Barcelona, quando o artista Jose Puig fez seu primeiro passeio com seu quadro pendurado no ombro. A intenção era desenvolver um movimento alternativo no mundo da arte. Os encontros acontecem em diversas cidades como Barcelona, São Paulo, Goiânia, Madrid, Bilbao, Buenos Aires, Avilés, Zaragoza, Vigo, Londres, San Sebastián, Tarragona e Sitges.

O movimento terá sua primeira edição no Rio neste sábado e pretende percorrer os bairros de Copacabana e Ipanema, a princípio. O ponto de encontro é na Praça General Osório (em frente à entrada do metrô), às 10h. A saída está prevista para as 10:45h. Em caso de chuva, o passeio será feito somente no metrô.

O evento é aberto para todo tipo de artista plástico/visual e fotógrafos que desejam levar sua arte para um passeio pelas ruas cariocas.

Veja mais informações no site do movimento ou na página do evento no Facebook!

A Cidade Maravilhosa tem recebido diversos eventos e exposições fotográficas ao longo deste semestre. Nos meses de maio e junho, algumas se destacam, entre elas a Gênesis, do fotógrafo Sebastião Salgado, já publicada aqui, e a World Press Photo. Confira mais dicas de exposições que acontecem pela cidade!

Foto: Paul Hansen

Foto: Paul Hansen

World Press Photo 2013 reúne 154 registros de 54 fotógrafos de 32 nacionalidades, com imagens que se destacaram na imprensa internacional em 2012. São fotografias de temas como política, economia, esportes, cultura e natureza.  Fundada em 1955, em Amsterdã, a  Fundação World Press Photo é uma organização independente sem fins lucrativos que realiza o maior concurso de fotojornalismo do mundo. Anualmente, as fotografias vencedoras são reunidas em uma exposição que percorre 45 países, em 100 locais diferentes durante um ano. A edição de 2013 contou com 103.481 imagens de 5666 fotógrafos de 124 países. A vencedora foi do sueco Paul Hansen, que retrata a imagem de duas crianças palestinas mortas, vítimas de um míssil israelita. As fotos são julgadas por especialistas em jornalismo visual que representam vários aspectos da profissão. A composição do júri é alterada todos os anos. A mostra tem como um dos premiados o carioca Felipe Dana, por menção honrosa com a foto de Natalia Gonzales, de 15 anos de idade, uma usuária de crack que, na época, morava na favela de Manguinhos, no Rio de Janeiro. A foto foi tirada no local conhecido como cracolândia, também em Manguinhos.

World Press Photo 2013
Local: Caixa Cultural – Galeria 4 – Av. Almirante Barroso, 25 – Centro
Horário: De terça a domingo, de 10:00h às 21:00h
Data: Até 23 de junho
Tel.: 21 3980-3815

 

fotospaco_Angai Vellozo - Praia de Botafogo

Foto: Angai Vellozo

Galeria promove show room de fotografias de arte, com tiragens restritas, para arquitetos e decoradores

A Fotospaço realiza uma exposição de seu acervo, reunindo uma seleção de obras fotográficas dos artistas representados pela galeria de arte: Ana Carolina Fernandes, Angai v.R.V, José Diniz, Príamo Melo, Raphael Lima e Thomas Valentin.

As fotografias, impressas em padrão fine art e com preços acessíveis, serão uma boa oportunidade para arquitetos e decoradores. Todas as imagens expostas estarão à venda, bem como as que estão no site e nos catálogos da galeria.

Os trabalhos são impressos em tiragens restritas, com numeração, registro e certificação da marca francesa Canson e emolduradas nos padrões museológicos internacionais de conservação.

Exposição de acervo
Local: Galeria de Arte Fotospaço (Shopping Cassino Atlântico) – Av. Atlântica, 4240, sala 126 – Tel.: (21) 3576-9362
Data: De 04 a 15 de junho – de terça a sábado, das 12h30 as 18h30 (exceto feriados)

Quem achou pouco pode conferir mais dicas de eventos e e exposições no site do FotoRio – Encontro Internacional de Fotografia do Rio de Janeiro, que comemora dez anos de atividades e está na sua sexta edição. Clique aqui e confira a programação, que vai até julho!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Um dos fotógrafos mais premiados do mundo, o mineiro Sebastião Ribeiro Salgado Júnior é conhecido por abordar temas sociais em seus trabalhos. Ao longo de quase 40 anos de carreira,  já lançou 10 livros, além de diversas exposições de pelo mundo. Salgado é embaixador da Boa Vontade da UNICEF e membro honorário da Academia de Artes e Ciências dos EUA.

A exposição “Gênesis“, que também dá nome ao seu novo livro, chega ao Rio após passar por cidades como Londres, Toronto e Roma. O projeto é resultado de um trabalho de longo prazo, focado na natureza. Foram 8 anos, de 2004 a 2012, em visitas a 32 regiões extremas como o Alasca, a Patagônia, a Etiópia e a Amazônia, para registrar  imagens impactantes, a majestade e a fragilidade da natureza, assim como sua relação com o homem e os animais. As viagens aconteceram a pé, de ônibus, em pequenos barcos, aviões e até mesmo em balões. Entre os registros de sua lente estão desertos gigantes, terras geladas, icebergs, vulcões, selvas, cadeias de montanhas e animais em seu ambiente natural. A exposição conta com mais de 200 imagens em preto e branco, característica do fotógrafo. A curadoria é de Lélia Wanick, sua esposa.

“Gênesis é sobre os primórdios, sobre um planeta intocado, suas partes mais puras, e um modo de vida tradicional que convive em harmonia com a natureza. Quero que as pessoas enxerguem o nosso planeta de outra forma, sintam-se comovidas e se aproximem mais dele”. Sebastião Salgado.

Patrocinadora do projeto desde 2008, a Vale promove um bate-papo do fotógrafo com funcionários no Rio, no dia 29 de maio, que será transmitido pela internet a partir das 9:30h (horário de Brasília). Os internautas que enviarem perguntas vão concorrer ao livro de fotos do Projeto. O link estará disponível no site da Vale e  no perfil da instituição no Facebook.

 

Exposição “Gênesis” Local: Museu do Meio Ambiente – Jardim Botânico do Rio de Janeiro – Rua Jardim Botânico, 1008 – Tel.: (21) 2294-6619 Data: de 29/05 a 26/08, de terça a domingo, das 9h às 17h. Livre – Gratuito * A entrada no Arboreto custa R$ 6,00, com gratuidade para crianças até 7 anos e adultos a partir de 60 anos.

Teatro Amazonas, Manaus - AM, c. 1966 -  Marcel Gautherot/ Acervo Instituto Moreira Salles

Teatro Amazonas, Manaus – AM, c. 1966 – Marcel Gautherot/ Acervo Instituto Moreira Salles

Instituto Moreira Salles (IMS) apresenta a exposição Marcel Gautherot – Norte. Com 30 imagens do fotógrafo francês feitas na Amazônia brasileira entre os anos 1940 e 1970, a mostra acontece no Espaço Itaú de Cinema, em Botagogo, zona sul do Rio, de 25 de abril a 27 de julho.

Gautherot nasceu em Paris em 14 de julho de 1910. Radicado no Brasil desde 1940, dedicou-se a viajar por todo o país, registrando aspectos mais variados da vida nacional: das cidades históricas de Minas Gerais às festas populares do Nordeste, da paisagem amazônica à arquitetura modernista do Rio de Janeiro e de Brasília. Gautherot faleceu no Rio de Janeiro, em 8 de outubro de 1996. Em 1999, seu acervo de mais de 25.000 imagens passou a integrar a coleção fotográfica do (IMS).

O artista veio ao Brasil pela primeira vez em 1939 e desejava subir e fotografar todo o curso do Rio Amazonas, mas a viagem não foi muito longe, interrompida pela Segunda Guerra Mundial, que também o obrigou a se radicar no Brasil um ano depois.

Exposição Marcel Gautherot – Norte
Local: Espaço Itaú de Cinema Rio de Janeiro – Praia de Botafogo, 316 – Botafogo
Período: De 25 de abril a 27 de julho de 2013 – Todos os dias, das 13h às 22h

oi-kabum

Foto: divulgação

A Escola de Arte e Tecnologia Oi Kabum! está com inscrições abertas para os cursos até o dia 28. Os interessados devem ter entre 16 e 21 anos, cursar ou ter concluído o Ensino Médio na rede pública de ensino ou serem bolsistas em uma instituição particular, além de possuir conhecimentos básicos de uso do computador. As atividades acontecem de 2ª a 6ª feira, das 8h às 12h, com 17 meses de duração. As aulas começam em 5 de agosto e vão até dezembro de 2014.

São oferecidas 90 vagas por meio de uma seleção, entretanto os 360 classificados na primeira etapa garantem vaga na oficina Click, de arte e tecnologia, com 20 horas de duração, que acontecerá às terças e quintas ou quartas e sextas-feiras, entre os meses de maio e junho.

As inscrições devem ser feitas pelo site www.oikabumrio.org.br. Os candidatos sem acesso à internet podem se inscrever na Escola, basta agendar pelo tel. (21) 3131-9399. A divulgação dos resultados será pelos sites do Oi Futuro (www.oifuturo.org.br), do Centro de Criação de Imagem Popular – CECIP (www.cecip.org.br) e na Escola. O da primeira etapa será divulgado até o dia 7 de maio e o final será no dia 7 de julho.

Rua: Visconde de Pirajá, 54 – 1° andar – Ipanema
Tel: (21) 3131-9399
Foto por José Diniz

Foto: divulgação

Fotos inéditas do artista no Brasil podem ser vistas na exposição “Ultramarinhas”, a partir do dia 17. Diniz foi vencedor do prêmio Marc Ferrez 2012 de Fotografia (Funarte/Ministério da Cultura) e indicado pelo British Journal of Photography como um dos 20 fotógrafos do mundo a ser observado em 2013.

José Diniz começou a fotografar aos 10 anos por influência de seu avô, fotógrafo amador e fundador da Sociedade Fluminense de Fotografia.

“Estar submerso no oceano envolve todos os sentidos e eu tento passar isso para as pessoas”, define José Diniz, que nasceu em Niterói e mora na cidade do Rio de Janeiro. 

As fotografias da mostra são todas em preto e branco e apresentam imagens feitas dentro do mar, na costa. A curadoria é de Marcos Bonisson e Andreas Valentin.

-Galeria de Arte Fotospaço – Shopping Cassino Atlântico: .Av. Atlântica, 4240 – sala 126 – Copacabana
-Tel.: (21) 3576 9362
-Abertura: dia 17/04
-De terça a sábado, das 12:30h as 18:30h (exceto feriados)
Até 24 de maio de 2013
– Classificação indicativa: Livre

As aulas acontecem na Universidade Estácio de Sá (Campus Tom Jobim), das 14 às 17h . São oficinas para quem tem interesse por comunicação e artes, publicidade, fotografia, cinema e produção. Ao final, os participantes, que devem ter Ensino Médio completo, recebem um certificado.

Oficinas disponíveis:

-DIA 25/02 – CRIAÇÃO/REDAÇÃO PUBLICITÁRIA PARA AUDIOVISUAL – PRODUÇÃO DE COMERCIAL (RTVC) E PRODUÇÃO DE SPOTS (RÁDIO). CLAUDIA MIRANDA E PATRICIA AGUIAR.

-DIA 26/02 – ROTEIRO PARA CINEMA (FICÇÃO)/PRODUÇÃO E DIREÇÃO DE CENAS. GISELE BARRETO E ANJA BITTENCOURT; FERNANDO DIAS (PRODUTOR NUCINE).

-DIA 27/2 – DIREÇÃO DE CÂMERA, FOTOGRAFIA E ILUMINAÇÃO PARA CINEMA/TV/FILME COMERCIAL, RONALDO MORANT.

– DIA 28/02 – PRODUÇÃO FONOGRÁFICA/TRILHAS SONORAS,  MAYRTON BAHIA.

– DIA 01/3 – EDIÇÃO (CINEMA/TV E FILME COMERCIAL). FOTOGRAFIA. DOUGLAS BOIAGO (EDITOR NUCINE), FERNANDO DIAS E SADDY BIANCHI.

As inscrições devem ser feitas pelo e-mail gisele.sampaio@estacio.br, aos cuidados de professora Gisele Barreto, com nome completo, cpf e o dia da oficina de interesse.

Endereço: Av. das Américas, 4.200 – Bloco 11 – Centro Empresarial Barra shopping – Cobertura – Barra da Tijuca

Tel: (21) 2432-2500

Uma das maiores exposições de fotojornalismo chega ao Rio de Janeiro. A 53ª edição acontece até o dia 27, no Centro Cultural da Caixa, no centro. Todos os anos o evento premia as melhores fotos publicadas na imprensa  mundial. Nesta edição, o paulista Daniel Kfouri,que já havia se inscrito duas vezes no WPP, ganhou o terceiro lugar na categoria Esporte e Ação — Single, com a foto do skatista Bob Burnquist, feita no Parque do Anhembi, em São Paulo, durante o treinamento da “Megarampa”. As fotos dão ênfase aos momentos em que os skatistas caíam, sob título de “Icarus”, conta Kfouri.

Aé 27 de junho
Local: Caixa Cultural RJ
Endereço: Av. Almirante Barroso, 25 – Centro – Rio de Janeiro
Horários: Terça a sábado, 10h às 22h
Domingo, 10h às 21h
Contato: (21) 2544-4080).
Classificação: Livre

Mais informações:  http://www.caixacultural.com.br/html/main.html

%d blogueiros gostam disto: