Tag Archive: Instituto Odeon


| Aula inaugural acontece dia 14/05 e contará com  a presença de amigos do músico, como Flavia Oliveira, Letícia Sabatella, Leonardo Lichote e José Júnior |

Foto: divulgação

Estão abertas as inscrições para o ciclo “Narrativas Curtas – Uma Homenagem a Marcelo Yuka”, que o Museu de Arte do Rio – MAR, sob a gestão do Instituto Odeon e por meio da Escola do Olhar, oferece em parceria com a FLUP – Festa Literária das Periferias. O curso funciona como uma espécie de concurso no qual os alunos serão estimulados a produzir contos sobre um dos títulos indicados nas aulas. Posteriormente, os textos serão reunidos em um livro que será publicado pela FLUP em 2020.  Os interessados em participar de todo o ciclo “Narrativas Curtas”, que acontece entre os dias 21 de maio e 23 de julho, devem ser maiores de 16 anos se inscrever pelo link http://bit.ly/NarrativasCurtas.

A aula inaugural do curso será uma grande celebração à obra de Marcelo Yuka. O encontro acontece no dia 14 de maio, às 17h, e vai reunir poetas e amigos do artista, como Renato Fontes, DJ TR, Orlando Zacconi, Marcelo Lobato, Giovana Hallack, Fred Coelho, Edu Alves, Leonardo Lichote, MC Leonardo, Flávia Oliveira, José Junior, Letícia Sabatella, Eliane de Souza e Numa Ciro. Os inscritos no ciclo “Narrativas Curtas” já têm lugar garantido na aula aberta, mas quem não está poderá participar do encontro inaugural fazendo a inscrição pelo link: http://bit.ly/VivaMarceloYuka.

Por intermédio do Ciclo de Narrativas Curtas, processo de formação de novos autores da Festa Literária das Periferias – FLUP, já foram lançadas sete elogiadas coletâneas de contos. O curso revelou talentos emergentes da literatura brasileira como Ana Paula Lisboa e Geovani Martins. Os dois últimos lançamentos, as coletâneas “90 anos de Malandragem” e “Conta Forte, Conta Alto”, homenagearam os mestres do samba Bezerra da Silva e Martinho da Vila, respectivamente.

O Museu de Arte do Rio – MAR
Uma iniciativa da Prefeitura do Rio em parceria com a Fundação Roberto Marinho, o MAR tem atividades que envolvem coleta, registro, pesquisa, preservação e devolução à comunidade de bens culturais. Espaço proativo de apoio à educação e à cultura, o museu já nasceu com uma escola – a Escola do Olhar –, cuja proposta museológica é inovadora: propiciar o desenvolvimento de um programa educativo de referência para ações no Brasil e no exterior, conjugando arte e educação com base no programa curatorial que norteia a instituição.
O MAR é gerido pelo Instituto Odeon, uma organização social da Cultura, selecionada pela Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro por edital público. O museu tem o Grupo Globo como mantenedor, a Equinor como patrocinadora master e a Rede D’Or São Luiz como apoiadora de exposições por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.
A Escola do Olhar conta com patrocínio da Prefeitura do Rio de Janeiro, Secretaria Municipal de Cultura, Dataprev, TNA, In Press e BNY Mellon por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura – Lei do ISS e do Machado Meyer Advogados via Lei Federal de Incentivo à Cultura.
O MAR conta também com o apoio do Governo do Estado do Rio de Janeiro e realização do Ministério da Cidadania e do Governo Federal do Brasil por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Narrativas Curtas – Uma Homenagem a Marcelo Yuka
Local: Museu de Arte do Rio – MAR – Praça Mauá, 5, Centro – Rio de Janeiro/RJ
Data: aula inaugural – dia 14 de maio, às 17h

Anúncios
| Programação do “MAR de Oswaldo Cruz e Madureira”, neste sábado, 9/02, inclui debate sobre enredo de 2019 da Portela, sessão de cinema, oficinas de surdo e roda de samba | 

Foto: divulgação

Foto: divulgação

O Museu de Arte do Rio – MAR, sob gestão do Instituto Odeon, recebe uma programação especial dedicada ao samba no dia 09 de fevereiro (sábado). As atividades começarão às 10h, com um debate sobre o enredo da Portela para o Carnaval 2019, que contará com a participação da carnavalesca Rosa Magalhães, do escritor e jornalista Vagner Fernandes, do presidente do Conselho Deliberativo e um dos autores do samba enredo, Fábio Pavão, e do presidente da escola de samba, Luis Carlos Magalhães, que mediará a conversa.

Foto de Rosa Magalhães e Luis Carlos Magalhães

Foto: divulgação

Após o bate-papo haverá uma sessão de autógrafos do livro “E vai rolar a festa…” (2018), de Rosa Magalhães. A obra é um relato sobre sua experiência de criar e produzir a festa de encerramento das Olimpíadas Rio 2016 e as cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos Pan-Americanos do Rio, em 2007 – evento pelo qual foi premiada com o Emmy de “Melhor Figurino”.

Ao longo do dia serão realizadas visitas mediadas à exposição “O Rio do samba: resistência e reinvenção“, sessão de cinema com os filmes do coletivo Por Telas e oficinas de surdo.

A programação encerra com uma roda de samba comandada pelo Samba dos Crias, grupo formado pelos ritmistas da Portela, às 16h30.

 

 

 

Programação:
10h – Debate sobre enredo com Rosa Magalhães, Fabio Pavão e Vagner Fernandes | Mediação: Luis Carlos Magalhães.
Local: Pavilhão de exposições
10h30 – Sessão de autógrafos do livro “E vai rolar a festa…” (2018), de Rosa Magalhães.
Local: Pavilhão de exposições
11h – Visita mediada à exposição “O Rio do samba: resistência e reinvenção”.
Local: Pavilhão de exposições
12h às 14h – Pausa para o almoço
14h – Visita mediada à exposição “O Rio do samba: resistência e reinvenção”.
Local: Pavilhão de exposições
14h30 – CineSamba – Serão exibidos os filmes Por Telas: “Um Craque Esquecido”, “Do Samba ao Sample: Entre duas Culturas” e “Procuram-se Mulheres”. Além disso, haverá exibição do documentário originado a partir da criação do Perímetro Cultural.
Local: Auditório
14h30 – Oficina de surdo com os mestres do Samba dos Crias.
Inscrições em http://bit.ly/OficinaSambaDosCrias
Local: Pavilhão de exposições
15h30 – Debate com os diretores Cecília Rabello, idealizadora do Por Telas, Vereador Reimont e Rogério Rodrigues, idealizador do Perímetro.
Local: Auditório
16h30 – Encerramento com roda de samba comandada pelo Samba dos Crias.
Local: Pilotis

MAR de Oswaldo Cruz e Madureira
Local: Museu de Arte do Rio (MAR) – Praça Mauá, nº 5 – Centro – Rio de Janeiro/RJ
Data: dia 09/02 (sábado)
Horário: a partir das 10h
Classificação: livre

%d blogueiros gostam disto: