Tag Archive: livraria


Noca da Portela lança Livro-CD na UERJ

| Artistas como Aluísio Machado, Zé Katimba, Rosa Magalhães e Tiãozinho da Mocidade também marcam presença em evento desta quarta-feira | 
Foto de Noca da Portela

Foto: reprodução Facebook

No dia 12 de dezembro, às 19h, o Teatro Odylo Costa, filho (Teatro da Universidade Do Estado do Rio de Janeiro -UERJ) recebe Noca da Portela para o Show de Lançamento do Livro-CD Noca: da Portela e de todos os sambas, realizado pelo Acervo Universitário do Samba da UERJ.

A obra conta a trajetória do sambista desde sua juventude até suas vivências na G.R.E.S Portela. O livro-CD, lançado em comemoração aos 86 anos do compositor, foi escrito pelo professor Marcelo Braz (UFRJ), tem apresentação de Luiz Antonio Simas, prefácio do professor Roberto Medronho e contracapa assinada por Paulinho da Viola.

Outros artistas biografados pelo projeto, como Aluísio Machado, Zé Katimba, Rosa Magalhães e Tiãozinho da Mocidade marcam presença no evento, além de renomadas figuras do mundo do samba. Estudantes que forem ao evento receberão certificados para horas complementares.

Show de Lançamento do Livro-CD de Noca da Portela
Local: Teatro Odylo Costa, filho – Rua São Francisco Xavier, 524 – Campus UERJ Maracanã (próximo à estação Maracanã da SuperVia e MetrôRio)
Data: dia 12/12 (quarta-feira)
Horário: 19h
Duração: 60 minutos
Classificação indicativa: 12 anos
Informações: tel.: 21 2334-0681
Acessibilidade para pessoas com deficiência

Anúncios
| “Jota Rodrigues – A Arte da Vida Atrevida” fica em cartaz de 1º/11/2018 a 3/03/2019 |

Foto: Francisco Moreira da Costa – Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular 

O poeta pernambucano radicado em Nova Iguaçu Jota Rodrigues, falecido em fevereiro deste ano, será homenageado em uma exposição idealizada pelo Sesc RJ, que será inaugurada no dia 1º de dezembro, em sua unidade de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. A mostra, batizada de “Jota Rodrigues – A Arte da Vida Atrevida”, aborda a vida e a obra do cordelista, que, além de autor de mais de 400 títulos, também foi xilógrafo, gráfico, músico e estudioso de fitoterapia. Idealizada pelo Sesc RJ, a exposição tem a curadoria do antropólogo Ricardo Gomes Lima, professor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ.

A exposição conta a história de Jota por meio de um painel ilustrado e apresenta sua vasta produção artística. Entre as peças que serão exibidas estão manuscritos, fotografias, folhetos de cordel escritos e impressos pelo próprio artista, matrizes em madeira, xilogravuras em papel e tecido e registros etnográficos dos diversos conjuntos musicais criados por ele. A mostra também adentra no mundo das plantas medicinais que ele estudava e cultivava em seu jardim para distribuir a amigos e vizinhos. O acervo pertence à Maria Aparecida de Oliveira, filha do artista.

Cidadão Iguaçuano, patrono de bibliotecas e premiado pelo MinC– Pernambucano de Águas Belas, pai sertanejo e mãe da etnia Carijó/Fulni-ô, Jota Rodrigues chegou à Baixada Fluminense em 1964. Estabeleceu-se com mulher e filhos em Nova Iguaçu, na região do Morro Agudo (hoje Comendador Soares). Faleceu em 22 de fevereiro de 2018, não sem antes ter seu valor reconhecido na região que escolheu para viver e também nacionalmente. Foi patrono e deu nome a diversas bibliotecas escolares e comunitárias da região e, em 2007, recebeu o Prêmio Culturas Populares, do Ministério da Cultura. Em 2009 a Câmara Municipal de Nova Iguaçu lhe concedeu o título de Cidadão Iguaçuano. Em 2018, recebeu homenagem póstuma na 8ª Conferência Municipal de Nova Iguaçu. O município receberá a exposição em março de 2019, também na unidade do Sesc.

Bate-papo com a filha e pesquisadores – A abertura da exposição, neste sábado (1/12), às 15h, contará com um bate-papo sobre a vida e a obra do artista. O encontro reunirá a filha, Maria Aparecida, o curador Ricardo Lima e a pesquisadora Cáscia Frade (UERJ). Como os três conviveram com Jota Rodrigues e estudaram a sua obra, o tema será as características do trabalho do artista, assim como aspectos da sua vida pessoal e profissional. Conterrâneo do homenageado, nascido no mesmo município, o ator e cordelista Edmilson Santini fará uma intervenção artística baseada na obra do poeta.

Exposição Jota Rodrigues – A Arte da Vida Atrevida
Local: Sesc Duque de Caxias – Rua General Argolo, 47 – Jardim 25 de Agosto/RJ – Tel.: 21 3659-8377
Abertura: dia 1/11/2018, às 15h
Visitação: de terça a sábado (exceto feriados), das 8h às 17h
Período: até 03/032019
Classificação indicativa: livre

| Acervo de ônibus inclui livros infantis com ilustrações em braile, livros com fonte ampliada para pessoas com baixa visão, audiobooks e livros em braile para adultos |
Foto do ônibus biblioteca do Projeto Livro nas Praças

Foto: divulgação

Com o objetivo de popularizar a cultura e o hábito pela leitura, o projeto “Livros nas Praças” chega ao bairro de Madureira, na Praça Miranda Ribeiro, no dia 6 de abril. A iniciativa leva literatura e conhecimento por meio do empréstimo gratuito de livros. O ônibus biblioteca azul, como é chamado carinhosamente, ficará estacionado no local com cerca de 2 mil livros disponíveis para os moradores da região. Para ter acesso às obras, os interessados devem apresentar carteira de identidade e um comprovante de residência. Cada pessoa poderá levar até dois livros emprestados, que deverão ser devolvidos em qualquer um dos locais em que o ônibus ficará estacionado. Neste primeiro semestre, a itinerância do ônibus biblioteca acontecerá até 23 de junho.

Além do dia 6 de abril, o ônibus biblioteca azul, patrocinado pela Piraquê, também estará na praça de Madureira nos dias 20 de abril; 4 e 18 de maio e 1º e 15 de junho, das 10h às 16h. O espaço contará com uma cadeira de transbordo, própria para cadeirantes e idosos que têm dificuldades de subir à escada de acesso, além de banheiro e água mineral para os leitores que utilizarem a biblioteca sobre rodas como espaço de leitura.

“Ficamos profundamente felizes quando fechamos esta parceria com Cristina Figueiredo, idealizadora do projeto. Apostamos fortemente na importância da leitura. Quem começa a ler, geralmente, vai escrever e falar bem. A Piraquê tem orgulho de oferecer às pessoas que moram nesta região e também nas adjacências obras literárias de grande valor cultural,” comenta Alexandre Colombo, diretor de marketing da empresa.

O acervo da biblioteca volante é formado por 70% de títulos de autores brasileiros e 30% de ficção estrangeira entre as categorias infanto-juvenil e adulto. O projeto também aceita doações. Mais informações podem ser obtidas no endereço www.facebook.com/LivrosNasPracas. O equipamento também oferece 60 livros com ilustrações em braile para crianças, além de livros em fonte ampliada para pessoas com baixa visão, audiobooks para deficientes visuais e 30 livros em braile para adultos.

O projeto foi inaugurado em novembro de 2012 e já atendeu a mais de 142 mil moradores/leitores com seus dois ônibus biblioteca azul e vermelho, que foram transformados em unidades móveis de biblioteca.

Projeto Livros nas Praças – Empréstimos gratuitos de livros
Local: Praça Miranda Ribeiro, Madureira – Rio de Janeiro – RJ
Datas: O ônibus biblioteca estará em Madureira nos dias 6 e 20 de abril; 4 e 18 de maio e 1º e 15 de junho de 2018
Horário: das 10h às 16h

%d blogueiros gostam disto: