Tag Archive: no buraco


Foto elenco peça teatral No Buraco

Foto: Ricardo Gabriel / Divulgação

A companhia carioca conhecida por seus espetáculos com mímica e comicidade apresenta as peças “No Buraco”, dias 14 e 15 de setembro (Sábado às 20h, domingo às 19h), e o infantil  “O Maior Menor Espetáculo da Terra” (de 21 a 29/09 – sábados e domingos, às 18h) no Espaço Furnas Cultural, em Botafogo. O grupo formado por Álvaro Assad, Márcio Moura e Melissa Teles-Lôbo é uma das mais representativas em mímica e comicidade no Brasil.

“No Buraco”, de 2004,  promete riso, pantomina e efeitos exclusivos. A peça acontece atrás de um biombo de um metro de altura e sete de comprimento. O ETC E TAL subverte a imaginação do espectador através de cinco hilariantes pantomimas. O espetáculo promove uma experiência teatral diferente que, sem mostrar o corpo inteiro dos atores. “É como se nós fossemos bonecos de manipulação. A diferença é que os movimentos são muito próximos do cotidiano”, explica Assad.

São cinco esquetes mudas, com 10 minutos cada, nas quais predominam a linguagem circense e o humor ácido. A primeira história a ser contada é “O Buraco”, que inspirou o título da obra. Nesse número, ao mesmo tempo romântico e nonsense, um casal começa a cavar um buraco para se encontrar. O problema é que cada um aparece de um lado, dificultando o final feliz. A seguir, o público confere “Patos ou Parque de Diversões?”, com um trio de patinhos, típico de barracas antigas de parques de diversões. Os bichos vão rodar em uma esteira fictícia à espera de tiros de espingardas de rolhas. “O Circo” também traz um ar de nostalgia ao transportar os presentes para uma espécie de picadeiro. Além de cenas com o homem bala e o trapezista, haverá uma luta entre o palhaço e o mímico. Ainda estão na programação “Os Pilotos”, uma batalha aérea recheada de piruetas no ar e de perseguições, e o surpeendente “”, um jogo de disputa física do elenco totalmente despido. Segundo o diretor, o fato de estarem nus não deve ser visto como algo de mau gosto ou pejorativo, pois as pessoas só veem o dorso e não há estímulo sexual. O objetivo foi mostrar que, para se fazer mímica, nada é necessário além do próprio corpo. A plateia tem a nítida impressão de “ver” os atores flutuando, voando, afundando, caindo, e cavalgando.

O intenso agacha e levanta da trupe é fruto de um treinamento físico que inclui aulas de pilates e de reeducação postural global (RPG). “Optamos por esse tipo de preparação porque queremos melhorar nosso rigor gestual e porque o grupo está envelhecendo”, afirma Assad, referindo-se aos 19 anos de existência do Centro Teatral e Etc e Tal. Um dos elementos visuais que mais chamam a atenção durante a peça é a variedade de figurinos. Ao todo, são 35 trocas de roupas, criadas por Fernanda Sabino, da Artesanal Cia. de Teatro. Para que tudo saia perfeito, ele brinca que é preciso escolher entre respirar ou vestir-se. Algumas trocas ocorrem durante a atuação dos colegas. Outras, nos intervalos de 40 segundos entre um tema e outro, nos quais a plateia assiste a projeções paralelas.

Ainda em setembro, o grupo se apresenta durante mais dois fins de semana no Espaço Furnas Cultural com a peça infantil “O Maior Menor Espetáculo da Terra”, onde um grande-mínimo-novíssimo e compacto picadeiro do “CIRCO DE PULGAS” é montado. O espetáculo ficará em cartaz de 21 a 29 – sábados e domingos – às 18h. A direção é de Alvaro Assad.

Sob o comando de um inusitado trio cômico formado por Álvaro Assad, Márcio Moura e Melissa Teles-Lôbo, o espectador será apresentado ao menor ser da Terra: A PULGA. Da China, Pun Ching Oo a pulga Funâmbula, da Argentina, PulGardel a pulga bala, da Oceania, as lindas pulgas gêmeas trapezistas Pulg Lee e Pilg Luu e, dentre tantas outras, uma inimaginável pulga indomável da floresta do Zimbábue. Todas elas com talentos arrebatadores e incrivelmente trabalhados pelos Mestres de Cerimônias, conduzindo o público a ver o que não pode ser visto e imaginar um extraordinário mundo mambembe em miniatura. O texto é uma mescla de dramaturgia de números clássicos do circo tradicional com uma profunda pesquisa científica do universo das pulgas e, claro, a comicidade característica do grupo Etc e Tal.

Confira uma prévia do espetáculo:

No Buraco – Centro Teatral Etc e Tal
Linguagem: Pantomima – Espetáculo adulto
Gênero: Comédia
Duração: 60 minutos
Classficação etária: 14 anos
Local: Espaço Furnas Cultural – End.: Rua Real Grandeza, 219 – Botafogo – Informações:  21 2528 5166
Data: Até 15 de setembro – Sábados às 20h, domingos às 19h

O Maior Menor Espetáculo da Terra – Centro Teatral Etc e Tal
Datas: de 21 a 29 de setembro – sábados e domingos, às 18h
Local: Espaço Furnas Cultural – End.: Rua Real Grandeza, 219 – Botafogo – Informações:  21 2528 5166
Classficação etária: livre

Horário de funcionamento da bilheteria: Ingressos distribuídos até as 17h, a partir das 14h, nos dias dos espetáculos. Capacidade: 192 lugares – Informações pelo tel.: 21 2528 5166 / *Para acesso ao Espaço Cultural, é necessária a apresentação de documento com foto.

Anúncios
Cia Teatral Etc e Tal

Foto: Ricardo Gabriel/divulgação

Comemorando 20 anos, a Cia Teatral Etc e Tal apresenta 3 peças no Teatro Municipal do Jockey. O grupo formado pelo trio de cômicos Alvaro Assad, Marcio Moura e Melissa Teles-Lôbo apresentará, nos dias 17, 18 e 19 de maio, o espetáculo adulto “No Buraco” e os infantis “¿Branca de Neve?” e “Victor James”, com entrada franca.

A companhia carioca de repertório, fundada em 1993, faz um apanhado de sua história de 20 anos em temporada no Teatro Municipal do Jokey – que iniciou no dia 3 de maio e vai até 30 de junho. O grupo, que  desenvolve sua pesquisa artística calcada na tríade Teatro-Mímica-Humor, ocupa os três horários, de sexta a domingo, com seu repertório de espetáculos: ““Victor James” (infantil), “No buraco” (adulto),” ¿Branca de Neve?” (infantil), em maio, e “Fulano e Sicrano” (adulto), “Draguinho” (infantil) e o mais recente “O Maior Menor Espetáculo da Terra” (todas as idades), em junho. Para esta temporada especial, a trupe organizou um catálogo comemorativo e uma exposição com várias fotos da carreira.

Obs.: Especialmente para este fim de semana – dias 17, 18 e 19 de maio de 2013 – a Cia Centro Teatral Etc e Tal  apresenta, gratuitamente, no Teatro do Jockey, os 03 espetáculos citados.

No Buraco  Adulto – Linguagem: Pantomima

Sinopse: Atrás de um biombo de um metro de altura e sete de comprimento, o ETC E TAL subverte a imaginação do espectador através de cinco hilariantes pantomimas nas quais o público fica impossibilitado de presenciar o corpo inteiro dos atores. Em “No Buraco”, a plateia tem se a nítida impressão de “ver” os atores flutuando, voando, afundando, caindo, cavalgando,  mas principalmente que o espectador ao lado está gargalhando tanto quanto ou mais do que o outro. Classificação: 14 anos

Dias 17, 18 e 19 – sexta a domingo, às 21h  – Gratuito

¿BRANCA DE NEVE?  Infantil – Linguagem: Pantomima e Teatro de Sombras

Sinopse: O Centro Teatral Etc e Tal traz mais uma vez seu inusitado humor aliado a ilusão da mímica e sua pesquisa com biombos, agora através da sombra e do teatro de sombras. Adaptado do conto original dos irmãos Grimm de 1819, em ¿Branca de Neve? o público acompanha durante uma hora a saga da jovem Branca de Neve que é avidamente perseguida pela sua madrasta (já não tão jovem!). Ambas belas, mas separadas pela idade e o sentimento da inveja. Perseguições, trama, calabouços, ilusão mímica desenhando montanhas, castelos, floresta, rios, animais e os mais inusitados objetos como se realmente estivessem ali. 20 personagens compilados por 3 atores onde mesmo na ausência de palavras o silêncio não impera. Classificação: Livre

Dias 18 e 19 de maio – sábado e domingo, às 16h30 – Gratuito

VICTOR JAMES  Infantil – Linguagem: Pantomima Literária

Sinopse:  Victor James passa seus dias em frente a um jogo de vídeo-game. Negando café, almoço , jantar, hora de banho e de estudar. Sonhando com as sensações de ter aqueles poderes, se transforma em um dos seus bonecos/robôs , vivendo experiências nada agradáveis dentro do computador. Sentindo na pele o que seus bonecos virtuais sentem, ele começa finalmente a descobrir limites. Victor James faz através da ‘Pantomima Literária’ uma viagem até o mundo virtual – seja na trilha sonora composta em harmonia com a movimentação, seja nos figurinos quase que ilustrados nos corpos. Com o efeito ilusório da mímica o espetáculo invade o imaginário do público através de diferentes personagens e formas geométricas que se constroem no espaço. Classificação: Livre – Indicação: acima de 6 anos

Dias 18 e 19 de maio – Sábado e Domingo, às 18h30 – Gratuito

TEATRO MUNICIPAL DO JOCKEY – Rua Mário Ribeiro, 410 – ENTRADA DE AUTOMÓVEIS. Rua Bartolomeu Mitre, 1110 – Gávea – ENTRADA DE PEDESTRES.
Tel.: (21) 3114-1286
Obs.: Estacionamento pago do Jockey Club Brasileiro. Lotação do teatro: 150 lugares

%d blogueiros gostam disto: