Tag Archive: racismo


| ‘Mostra Cinemão Negra” exibe filmes em Laranjeiras, Gamboa e Vargem Grande |

Foto: divulgação

Para celebrar o mês da Consciência Negra – novembro – o projeto Cinemão realiza, nos dias 20 (Dia Nacional da Consciência Negra), 24 e 26 deste mês, a Mostra Cinemão Negra. Serão exibidos filmes que retratam a cultura negra e problemas enfrentados, como o racismo. A programação ao ar livre conta com os longas A Batalha do Passinho, de Emilio Domingues, 5x Favela – Agora por Nós Mesmos, produzido por Carlos Diegues e Renata de Almeida Magalhães, e Auto de Resistência, dos diretores Lula Carvalho e Natasha Neri.

A mostra tem patrocínio da RioFilme e Secretaria Municipal de Cultura + Diversidade e apoio da Centro de Informação das Nações Unidas Rio de Janeiro (UNIC Rio), Superintendência da Zona Portuária e Museu da Escravidão. A classificação é livre.

Mostra Cinemão Negra
Dia 20/11, terça-feira, às 19h30 – Casas Casadas: Rua das Laranjeiras, 307 – Laranjeiras
Filme: 5x vezes Favela – Agora por nós mesmos
Dia 24/11, sábado, às 19h30 – Praça da Harmonia (Gamboa), em parceria com o Museu da História e da Cultura Afro-Brasileira (MUHCAB)
Filme: A Batalha do passinho
Dia 26/11, segunda-feira, às 19h30 – Escola Municipal Professor Teófilo Moreira da Costa: Rua Esperança, 387 – Vargem Grande
Filme: Auto de Resistência
Cassificação: livre

| A black music vai tomar conta do shopping de Irajá na 2ª edição do “Meu Black é Power” |

Foto: divulgação

Para celebrar a cultura afro-brasileira e reverenciar o Dia Nacional da Consciência Negra, comemorado em 20 de novembro, o Via Brasil, em parceria com a Revista Black Magazine, vai realizar a 2ª edição do evento “Meu Black Power”. A batida da black music vai invadir a praça de alimentação do shopping de Irajá neste sábado, dia 17 de novembro, a partir das 16h, e vai contar com performances musicais para os charmeiros de plantão.

A festa terá várias atrações musicais, entre elas o grupo Essência Black, que animará o público de todas as idades. Além disso, os clientes poderão assistir a um verdadeiro desfile afro. O encontro promete ser uma tarde com muita beleza e musicalidade.

A termo “charmeiro” é utilizado para designar apreciadores de uma vertente da música negra norte-americana – ou black music – conhecida popularmente no Brasil como charme, termo usado para o gênero musical R&B contemporâneo no Brasil.

Meu Black é Power
Local: Via Brasil Shopping (praça de alimentação) – Avenida Itapera, 500 – Irajá – Rio de Janeiro/RJ
Data: dia 17/11 (sábado)
Horário: A partir das 16h
Classificação: livre

| Homenagem em memória do ex-escravo e abolicionista brasileiro acontece nesta sexta, 24/08, na escadaria da Câmara Municipal do Rio |

Foto: divulgação

O espetáculo “LUIZ GAMA – Uma Voz pela Liberdade“, que lota teatros desde 2015, ganha apresentação pública e gratuita na escadaria da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, na Cinelândia, no dia 24 de agosto, às 17h, uma homenagem inédita ao ex-escravo e abolicionista brasileiro. A apresentação ocorre por ocasião dos 136 anos da morte do herói nacional. No elenco, Deo Garcez, que vive Luiz Gama, e Soraia Arnoni, que interpreta Luiz Mahim. Ricardo Torres assina a direção e o próprio Deo a dramaturgia.

A peça é uma biografia dramatizada do soteropolitano Luiz Gonzaga Pinto da Gama, ex-escravo, jornalista, poeta, político, primeira voz negra da literatura brasileira, advogado autodidata e abolicionista, que libertou mais de 500 escravos. Gama foi reconhecido oficialmente como advogado em 2015 pela OAB e nomeado, por leis federais, como o patrono do abolicionismo brasileiro e herói da pátria. O espetáculo convida o público a repensar nossa história oficial, revelando o que se escondeu por muito tempo, e traz uma importante reflexão sobre nossos preconceitos contemporâneos. A montagem é uma produção da Olhos d’ Água Produções Artísticas

LUIZ GAMA – Uma Voz pela Liberdade
Local: escadaria da Câmara Municipal do Rio de Janeiro (Palácio Pedro Ernesto) – Praça Floriano, s/nº – Cinelândia – Centro do Rio/RJ
Data: dia 24/08
Horário: 17h

| Encontro promove debate sobre o livro “Menina bonita do laço de fita”, de Ana Maria Machado |
foto da capa do livro Menina bonita do laço de fita

Foto/arte: divulgaçao

Em celebração ao mês da Consciência Negra, no dia 26 de novembro (domingo), às 16h, a Livraria Leitura do Américas Shopping promove debate sobre o livro “Menina bonita do laço de fita”, da escritora Ana Maria Machado. A proposta do encontro é falar sobre o universo da alfabetização, a leitura na infância e o racismo. As inscrições são gratuitas e limitadas.

A mesa de debate será composta por Lissandra de Oliveira, especialista em Leitura Dinâmica e Otimização do Estudo e idealizadora do projeto Fábrica de Leitores; pela professora de língua portuguesa Eduarda Girard; pedagoga Andressa Leal; professora alfabetizadora Danielle Calixto. O evento também irá contar com a participação especial dos alunos Pedro Lisboa e Bianca Pimentel – crianças que leram o livro e estão em fase de alfabetização.

Publicado pela Editora Ática, o livro conta a história de uma linda menina negra que desperta a admiração de um coelho branco, que deseja ter uma filha tão negra quanto ela. Cada vez que ele lhe pergunta qual o segredo de sua cor, ela inventa uma história. O coelho segue todos os “conselhos” da menina, mas continua branco.

O evento faz parte do projeto Fábrica de Leitores, uma iniciativa do Instituto de Otimização da Mente (IOM), em parceria com o Instituto Angelicum. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (21) 96460-8111 ou pelo e-mail contato@fabricadeleitores.com.br.

Debate do livro “Menina bonita do laço de fita”
Local: Livraria Leitura do Américas Shopping – Av. das Américas, 15.500 – Recreio dos Bandeirantes
Dia: 26/11 (domingo)
Horário: 16h
Informações: (21) 96460-8111 / contato@fabricadeleitores.com.br

Foto: Reprodução internet

O evento promete um dia de festa com shows, desfile de moda africana, dança afro-brasileira e feira de afro-empreendedores, além de uma homenagem ao líder sul-africano Nelson Mandela, que morreu no dia 5 deste mês, aos 95 anos, em Pretória, na África do Sul. “Domingo no Parque Pela Igualdade Racial” acontece no dia 22 de dezembro, a partir das 14 horas, no Parque Madureira.

Entre as atrações, que serão apresentadas por Débora Almeida e Zezé Barbosa, estão:  Elza Soares, MC Koringa, Batalha do Passinho, Kuduro, Dois Africanos – uma dupla de World Hiphop (Pop Rap e R&B com varias influências musicais) formada por Opai BigBig(Benin) e Izy Mistura(Togo) e criada no Brasil em 2012 -, Grupo Kantaê, Margareth Mendes e Orunmilá.

O evento é promovido pela Coordenadoria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial – CEPPIR –  “um órgão público ligado à prefeitura do Rio de Janeiro. Tem o propósito de promover ações afirmativas e ampliar os diretos dos grupos étnicos na cidade.”

Domingo no Parque Pela igualdade Racial
Local: Praça do Samba, Parque Madureira – Rua Soares Caldeira, 115 – Madureira (Atrás do Madureira Shopping)
Data: Dia 22/12, a partir das 14h

Veja também: Diogo Nogueira e Monobloco animam o Parque Madureira 

%d blogueiros gostam disto: